1fdfe2d553e04fc18698ac515385cb64.jpg
Análises

Análise | Arrow: My Name is Oliver Queen [Season Finale]

Write on: Terça, 19 Maio 2015 00:49 by 

Sinopse: As vidas de todos estão em perigo conforme Ra’s al Ghul dá continuidade ao seu plano final. Oliver/Al Sah-Him deve decidir se é forte o suficiente para viver o novo papel e o que isso significará para todos no time Arrow — e para sua alma.

A participação do Flash no inicio do episódio deu um certo glamour para esse ótimo Season Finale.

Último capítulo de Arrow com certeza é o mais inferior dentre as três temporadas já exibidas. Porem ele está longe de ser considerado ruim. Colocando os pingos nos lugares certos nessa trama complicada, My Name is Oliver Queen nos oferece mais uma boa trama do que ótimas batalhas em si. O confronto com Ra’s não se compara a nada contra os embates do Arqueiro Negro/ Malcom Merlyn e o Exterminador/ Slade Wilson.

Os personagens meio que se encontraram em seus papeis. Cada um seguiu seu caminho rumo a um destino maior e outros a simplicidade de simplesmente viver a vida, como Roy, Oliver e Felicity. Mas o nosso herói deixou seu legado para os novos guardiões de Starling City. A cidade estará mais segura nas mãos de Diggle, a Canário Negro e a Speedy. Talvez Nyssa entre nesse meio também, já que seu pai não comanda mais a Liga dos Assassinos. Não podemos nos esquecer também de Ray Palmer que está descobrindo seu potencial de forma grandiosa (não no tamanho).

A Speedy ficou incrível.

Por mais que estivemos atentos com Ra’s Al Ghul, o vilão da temporada mesmo foi o Malcom. E no fim ele conseguiu o que queria, usando mais a mente do que a força física. Obviamente a nova temporada explorará isso, além de uma Starling City mais clara e um Arqueiro mais Verde. Sorrisos e piadinhas na hora de chutar a bunda dos vilões também serão bem-vindas.

Assim Arrow se despede, com mais erros do que acertos. Ao menos a temporada deixou um legado de vigilantes para Starling City e abriu um leque maior de possibilidades para a expansão do Universo DC Televisivo.

 

4/5

DEIXE SEU COMENTÁRIO

André R. Candeias

Nerd. Escritor. Leitor. Tenho Stephen King como meu mentor platônico nos livros. Sou DCnauta assumido. Meu jogo predileto é Silent Hill. Meus diretores prediletos são Christopher Nolan, Peter Jackson e Zack Snyder.

Pra relaxar adoro ouvir trilhas sonoras, principalmente as de Hans Zimmer.

Além do mais sou fã assíduo de Star Wars, o universo da Terra-Média de Tolkien, Game of Thrones e por último, mas não menos importante, The Walking Dead.

Website: https://www.facebook.com/lordcandeias